Dica de série: ‘Dragões – Corrida até o limite’

O nosso site, que tem como objetivo mostrar arte e cultura através de diferentes perspectivas, reafirma o seu propósito. Pela primeira vez, temos entre os nossos colaboradores uma criança, Melissa Mellvee, 13 anos.

No meu primeiro texto de 2021, resolvi falar sobre uma série muito especial para mim: “Dragões-Corrida até o limite” (“Race to the edge”), disponível na Netflix.



Eu me tornei muito fã de “Como treinar o seu dragão” – universo criado pela escritora Cressida Cowell – após assistir essa série. Então, me apaixonei pelos personagens e quis conhecê-los cada vez mais!

A série tem seis temporadas, com treze episódios cada. Os episódios vão passando (bem rápido para mim, pois estou sempre maratonando) e podemos vivenciar cada momento da descoberta da ilha além das fronteiras do arquipélago, como os cavaleiros indo morar no Domínio do Dragão e conhecendo novos dragões, assim como acompanhamos o surgimento de aliados interessantes e de novos vilões.

Alguns personagens de outras séries da franquia retornam, e podemos conhecer mais sobre o passado deles, e sobre suas intenções.

Não posso dar spoilers, mas garanto que muitos personagens acabam nos surpreendendo, de maneiras boas e ruins. Está bem, só um spoilerzinho: um velho aliado de Berk acaba se revelando um impostor e traidor. Não posso falar mais sobre ele, pois isso acabaria com toda a surpresa. Veremos também o nosso criativo Soluço Haddock inventando várias armas incríveis e soluções para os problemas de Berk e do Domínio. A amizade dos gêmeos Thorston vai se tornando mais forte, e essa amizade também soluciona os problemas que vão surgindo. No episódio “Cura pelo dragão,” eles têm um papel muito importante, mesmo quando encontram soluções acidentalmente.

Eu amo demais essa série. Para mim, seu único defeito é que após seis temporadas ela acaba.
Vamos ser otimistas e esperar que a DreamWorks anuncie uma sétima temporada da “Corrida até o limite”!

 

Comprando qualquer produto na Amazon através desse link, você ajuda a manter o Artrianon e não paga nada a mais por isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s