Poesia e política no longa “Neruda Fugitivo”, de Manuel Basoalto

Os poemas nascem sob as circunstâncias as mais diversas. Muitas vezes os poemas nascem sem sequer haver um motivo a priori. Há poemas que se mostram em jeito de escritura. Outros poemas veem em jeito de canção. Poemas há em maneiras as … Continuar lendo Poesia e política no longa “Neruda Fugitivo”, de Manuel Basoalto

OBRAS INQUIETAS 20. “Os síndicos da guilda de ourives de Amsterdam” (1627), Thomas de Keyser

“Os síndicos da guilda de ourives de Amsterdam” (1627), Thomas de Keyser Estamos sendo observados. Mesmo que não conseguimos ver, eles estão lá. Não importa o local ou o tempo, sempre existe alguém a nos analisar, a medir nossos passos … Continuar lendo OBRAS INQUIETAS 20. “Os síndicos da guilda de ourives de Amsterdam” (1627), Thomas de Keyser