Racismo e objetificação no filme ‘Quanto vale ou é por quilo?’ de Sergio Bianchi

Quanto vale ou é por quilo? A pergunta a que se refere o título do filme de Sergio Bianchi (2005) é ironicamente triste. O Brasil foi um dos últimos países na América a abolir a escravidão e perguntas como essa, … Continuar lendo Racismo e objetificação no filme ‘Quanto vale ou é por quilo?’ de Sergio Bianchi

Qual a diferença entre paquera e assédio? Esses quadrinhos explicam tudo!

“Entendeu ou quer que eu desenhe?” Devido às influências da sociedade machista em que vivemos, muitas pessoas, mesmo mulheres, não entendem a diferença entre assédio e paquera, e não vem nada de errado nos textos de Danuza Leão ou das … Continuar lendo Qual a diferença entre paquera e assédio? Esses quadrinhos explicam tudo!

Por que artistas são demônios? Sobre a demonização da arte e da cultura

Uma onda de conservadorismo hipócrita e irritante atingiu a arte e a cultura. Desde os protestos pelo término da exposição Queermuseu, no Santander Cultural, criticar artistas, obras de arte e exposições se tornou prática recorrente para políticos e influencers conseguirem … Continuar lendo Por que artistas são demônios? Sobre a demonização da arte e da cultura

Breves considerações sobre a noção de política

Recentemente, o termo política tem sido fortemente ligado aos veículos partidários, gerando uma grande disputa entre esquerda x direita, reacionário x progressista, etc. Entretanto, tratar política como algo exclusivamente partidário, significa reduzir o conceito, empobrecê-lo. Se procurarmos no dicionário o … Continuar lendo Breves considerações sobre a noção de política

Crítica social na Arte Clássica: Será possível revisitar o passado?

O último século foi marcado por grandes revoluções no campo das artes. O surgimento das vanguardas artísticas do início do século 20, período denominado Arte Moderna e a sequência a partir dos anos 60, denominada Arte Contemporânea, trouxeram grandes questionamentos … Continuar lendo Crítica social na Arte Clássica: Será possível revisitar o passado?