Racismo e objetificação no filme ‘Quanto vale ou é por quilo?’ de Sergio Bianchi

Quanto vale ou é por quilo? A pergunta a que se refere o título do filme de Sergio Bianchi (2005) é ironicamente triste. O Brasil foi um dos últimos países na América a abolir a escravidão e perguntas como essa, … Continuar lendo Racismo e objetificação no filme ‘Quanto vale ou é por quilo?’ de Sergio Bianchi

“Uma reportagem maldita (Querô)”, de Plínio Marcos

“— Te refresca saber essas bostas?” Plínio Marcos busca, por meio da palavra, o escancarar das violências. A partir das denúncias que o narrador-personagem faz, somos levados a experimentar do outro lado da espetacularização da violência, em um Brasil individualista … Continuar lendo “Uma reportagem maldita (Querô)”, de Plínio Marcos

‘Cabra marcado para morrer’: reconstrução de identidade e da história em filme de Eduardo Coutinho

Em 1964, a UNE Volante, um projeto da União Nacional dos Estudantes (UNE), saía a percorrer o Brasil para fundar Centros de Cultura Popular, os CCP. Esses eram centros de arte popular, no sentido de serem feitas pelos de baixo, … Continuar lendo ‘Cabra marcado para morrer’: reconstrução de identidade e da história em filme de Eduardo Coutinho

OBRA DE ARTE DA SEMANA: “Não estamos todos no mesmo barco” de Banksy

Banksy, We’re Not All in the Same Boat (Não estamos todos no mesmo barco), estêncil sobre muro em Calais, França, 2015. “Algumas pessoas se tornam policiais porque querem tornar o mundo um lugar melhor. Algumas pessoas se tornam vândalos porque … Continuar lendo OBRA DE ARTE DA SEMANA: “Não estamos todos no mesmo barco” de Banksy