Amor Líquido: sobre a fragilidade dos laços humanos, de Zygmunt Bauman

Os laços humanos possuem uma base sólida? Há algo de concreto que sustente a condição humanitária na sociedade? Existe algo intrinsecamente palpável nos relacionamentos atuais? Os suportes das relações humanas são tangíveis? Esses e vários outros questionamentos são feitos e … Continuar lendo Amor Líquido: sobre a fragilidade dos laços humanos, de Zygmunt Bauman

Qual a diferença entre paquera e assédio? Esses quadrinhos explicam tudo!

“Entendeu ou quer que eu desenhe?” Devido às influências da sociedade machista em que vivemos, muitas pessoas, mesmo mulheres, não entendem a diferença entre assédio e paquera, e não vem nada de errado nos textos de Danuza Leão ou das … Continuar lendo Qual a diferença entre paquera e assédio? Esses quadrinhos explicam tudo!

OBRAS INQUIETAS 07. “Casal” (1986), de Montserrat Gudiol

07. “Casal” (1986), de Montserrat Gudiol Todos nós já estivemos nessa situação, mas preferimos esquecer: em meio ao mais absoluto desespero. Tão atordoados que sequer conseguimos esboçar palavras; tão atônitos que não conseguimos nos mexer, cada músculo do corpo imerso no … Continuar lendo OBRAS INQUIETAS 07. “Casal” (1986), de Montserrat Gudiol

12 sapatos para 12 amantes – Uma coleção conceitual de Sebastian Errazuriz

O designer chileno radicado em Nova Iorque Sebastian Errazuriz criou uma série – 12 Shoes for 12 Lovers, no idioma original – de esculturas inusitada que representa o temperamento e a relação com doze de suas ex-amantes na forma de … Continuar lendo 12 sapatos para 12 amantes – Uma coleção conceitual de Sebastian Errazuriz

Museum of Broken Relationships : Um cemitério de objetos e amores perdidos

Museu dos relacionamentos acabados, dos corações despedaçados… Localizado no coração do bairro dos museus em Zagreb, capital da Croácia, o museu traz uma proposta inovadora, questionando o conceito mesmo de museu, de artista e de arte. O nome curioso esconde … Continuar lendo Museum of Broken Relationships : Um cemitério de objetos e amores perdidos