Tendências e detalhes na Casa Cor São Paulo 2017

A Casa Cor é um evento interessante, entre outras razões, para se entrar em contato com as atualidades em design de interiores. Então, se você não visitou a exposição ou se sentiu perdido, seguem algumas das tendências apresentadas e outros detalhes interessantes.

Uma das primeiras tendências que notei ao visitar a mostra foi a combinação de cores do momento, o verde militar junto ao cor-de-rosa presente em vários ambientes, dentre eles, a Casa Niwa de Yamagata Arquitetura e Alexandre Furcolin, o Quarto da Menina de Lucy Amicón e Vanessa Ireno, e o closet feminino da Experiência Ornare de David Bastos. Tons próximos também foram usados na Casa Cosmopolita Cosentino de Paola Ribeiro e no Loft do Designer da Triplex Arquitetura (Adriana Helú, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo). Inclusive, no Quarto da Menina, temos outra ideia bastante em voga: as paredes geométricas pintadas.


Quarto da Menina de Lucy Amicón e Vanessa Ireno

Ainda nas paredes, têm aparecido painéis de madeira ripados, tais como visto nos projetos Andreia Teixeira e Fernanda Negrelli (Loft da Praia) e de Alexandre Gedeon e Hugo Schwartz. (Estúdio com Pórtico).


Loft da Praia


Em seguida, temos também a influência do design escandinavo, com peles cobrindo poltronas e pufes, podendo também ser colocadas despojadamente sobre sofás e até mesmo como tapetes, como visto na Casa da Mata de Olegário de Sá e Gilberto Cioni, no Loft do Designer da Triplex Arquitetura (Adriana Helú, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo), no Living Bar de Moacir Junior e Salvio Junior, no Estúdio com Pórtico de Alexandre Gedeon e Hugo Schwartz., na Suíte Black de Gustavo Neves e na Sala Íntima de Paula Neder.


Casa da Mata


Loft do Designer


Sala Íntima

Também bastante usado no design escandinavo é o berço suspenso, que aparece cada vez mais em ambientes nacionais e internacionais. É interessante notar que esta não se trata de uma novidade, mas da retomada de uma peça antiga usada em várias épocas históricas.


Quarto do Bebê
por SP Estudio (Fabiana Silveira e Patricia de Palma).

A pedra bruta aparece cada vez mais em bancadas de pia e banheiras, tal como mostrado na Casa da Mata de Olegário de Sá e Gilberto Cioni.


Casa da Mata


Casa da Mata

As cubas esculpidas, que “escondem” os ralos, continuam aparecendo, por exemplo, na Casa Grafismo de Leo Shehtman, ambiente extremamente original e esteticamente agradável.


Casa Grafismo

O revestimento espelhado, seja em banheiros ou outros ambientes, traz um efeito futurístico e elegante, como, por exemplo, no Lounge da Sala de Banho de Paula Leme e Luciana Bichieri e no Lavabo Deca de Lucas Ferreira Coelho.


Lounge da Sala de Banho


Lavabo Deca

A inspiração industrial continua em alta, com estantes e luminárias construídos usando canos e hastes de metal, sem acabamento rebuscado. Dentre os ambientes que apresentaram esta tendência estão o Loft do Designer da Triplex Arquitetura (Adriana Helú, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo), na Cozinha Industrial de Érica Salguero, na Cozinha Urbana de Patricia Pasquini e no Estudio do Artista de Sandra Moura.

 
Estudio do Artista


Cozinha Urbana

Finalmente, dentre as novidades mais importantes, está a bancada de porcelanato, composta de uma única peça do material – usado desta maneira há bastante tempo no cenário internacional, por exemplo, na Itália.


Bancada em porcelanato Portobello no Espaço dos Convidados de Denise Barretto.

Vale destacar também os lustres da Lumini, por exemplo, na Casa Cosmopolita Cosentino de Paola Ribeiro, no Ateliê da Très Arquitetura (Fernanda Tagacini, Nathalia Mouco e Fernanda Moraes) e Loft do Designer da Triplex Arquitetura (Adriana Helú, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo).


Ateliê

Dentre os ambientes que mais se destacaram, temos a Suíte Black de Gustavo Neves, já mencionada acima, caracterizada por sua originalidade, tanto na combinação de elementos, quanto na escolha de peças e seu efeito final, e estética marcante e aura masculina.


Suíte Black

Também o Estúdio com Pórtico de Alexandre Gedeon e Hugo Schwartz. chamou a atenção pelo grande número de obras de artes coloridas em estilo Street Art, como nomes como Crânio e Tinho, além de um pórtico realizado por este último artista.


Obra de Tinho no Estúdio com Pórtico.

A Deca apresentou um espaço original como sempre, com seu jardim com cascatas compostas de chuveiros, além de elementos de porcelana escondidos dentre as folhagens, assinado por Alex Hanazaki.

Pessoalmente, também apreciei muito o closet masculino de David Bastos, parte da suíte criada em parceria com a Ornare; além das cozinhas  de Patricia Pasquini (Cozinha Urbana) – espaçosa e ainda assim acolhedora – e de Érica Salguero (Cozinha Industrial), que possui até sua própria hortinha em volta da bancada – um sonho para qualquer um que gosta de cozinhar!


Cozinha Urbana

Fonte das imagens: Imagens da autora e divulgação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s