Você sabe como ser um pirata?

Olá! Hoje, eu vim falar sobre o segundo livro da minha série favorita: Como treinar o seu dragão.

O segundo livro é o Como ser um Pirata, (título original: How to Be a Pirate) que teve sua primeira edição em maio de 2010.

Ele foi traduzido pela Heloiza Prieto, e foi revisado por Liciane Corrêa e Maria da Glória Carvalho.

Neste livro tem o surgimento de muitas coisas novas. Por exemplo, o arqui-inimigo de Soluço.

O livro começa com uma forte tempestade de verão que Thor havia mandado. Mas, mesmo assim, Bocão Bonarroto, (Professor encarregado no treinamento de piratas dos Hooligans), era o culpado por colocar o navio na água, mesmo sabendo dos grandes riscos que eles estavam correndo. Mas, uma “Tempestadezinha de verão” não seria capaz de adiar a luta de espadas em alto-mar (para iniciantes) que Bocão estava prestes a realizar.

Bocão escolheu a primeira pessoa para lutar, mas precisava de alguém para ser o adversário. Bafoca de Maluquício era essa pessoa.

– Quem vai enfrentar Bafoca? – Disse Bocão.

Logo, quase todos os garotos levantaram a mão. O fato mais surpreendente foi quando Soluço, o garoto magricelo que ninguém nota, se ofereceu para lutar com Bafoca.

Resumindo: Soluço quase morreu em alto-mar, por causa de uma luta com um guri de 11 anos, mas eles tiveram que abandonar o barco e ele foi movido por uma onda gigante, rolando para o lado e mergulhando. O casco do barco acabou perfurado.

Todos os vikings tiveram que voltar à Berk nadando. Tudo “normal” para alguns vikings que estavam naquele barco, mas a história muda de rumo quando Soluço encontra uma caixa com quase dois metros de comprimento.

Então eles chegam à Berk e o Bocão percebe caixa e resolve cancelar a aula para abri-la. Os meninos se reuniram em volta do caixão, e leram o seguinte aviso:
“CUIDADO, NÃO ABRA ESTE CAIXÃO. AMALDIÇOADO SEJA AQUELE QUE PERTURBAR OS RESTOS MORTAIS DE BARBADURA, O TERRÍVEL, O MAIOR PIRATA A ATERRORIZAR AS ILHAS INTERNAS.”

Detalhe importante: Barbadura, o Terrível, era Tataravô de Soluço. Havia uma lenda muito popular entre a tribo dos Hooligans Cabeludos: O tesouro perdido de Barbadura, o Terrível. Stoico, pai de Soluço, então convocou o “Encontro de todos” no Grande Salão. O objetivo era abrir o caixão que estava escrito “NÃO ABRA.”

Abriram o caixão. Mas, foram surpreendidos com um homem, não muito velho, dentro do caixão. Soluço teve a impressão de ver um dos dedos do cadáver se mexer, e disse isso a Stoico. Porém, ele não ligou. Até o ponto de o cadáver saltar para frente. Todos tomaram um susto imenso, mas logo ele falou que era o Alvin, um fazendeiro pobre e honesto, que estava no caixão pois, a tribo rival dos Hooligans, os Cabeças-Ocas, havia jogado ele no mar dentro do caixão.

Muita coincidência, não acham? Pois é, ninguém suspeitou. Menos Banguela, o dragãozinho de caça de Soluço. Ele suspeitava que Alvin não era um fazendeiro pobre e honesto, e sim, um Pária. Alvin sugeriu começarem uma busca na Ilha da Caveira, onde habitavam dragões que não enxergavam e nem ouviam, mas caçavam em grupo, usando o olfato extremamente poderoso. Era uma missão suicida. O plano era: Os membros da tribo tomariam um bom banho, e os seus dragões também, para depois realizarem o teste do cheiro no dia seguinte.

Chegando a hora de navegar até a ilha, todos estavam lá. Até porque, para os vikings daquela região, o tesouro de Barbadura era uma das melhores coisas do mundo e todos já tinham treinado os seus dragões um dia antes para farejar MUITO bem e acharem o tesouro. No bilhete deixado por Barbadura, dizia que o verdadeiro herdeiro e sua fera (dragão) acharia o verdadeiro tesouro.

“E se o Melequento achar?” Pensava Soluço. Seu pai realmente ficaria decepcionado.

Melequento era sobrinho de Stoico. Humilhava Soluço e Perna-De-Peixe.

OBS: Alvin não foi na busca. Suspeito.

Bom, no fim, quem achou o tesouro foi o Melequento.

Mas será que esse era o tesouro verdadeiro???

Eu não vou revelar isso, mas o final é surpreendente.

Recomendo a leitura deste livro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s