O filme ‘O homem duplicado’, inspirado no romance de Saramago

“A história acontece primeiro como tragédia, depois se repete como farsa”. Essa frase de Marx escrita em seu “O 18 Brumário de Luís Bonaparte”, bem como as repetidas falas do professor  Adam Bell  (Jake Gyllenhaal) em suas aulas, talvez sejam um dos … Continuar lendo O filme ‘O homem duplicado’, inspirado no romance de Saramago

A questão do tempo em ‘Para sempre Alice’ de Richard Glatzer e Wash Westmoreland

“Alice estava começando a ficar cansada de estar sentada ao lado da irmã na ribanceira, e de não ter nada que fazer; espiara uma ou duas vezes o livro que estava lendo, mas não tinha figuras nem diálogos, “e de … Continuar lendo A questão do tempo em ‘Para sempre Alice’ de Richard Glatzer e Wash Westmoreland

A mentira e a sociedade do espetáculo no longa ‘Os olhos amarelos dos crocodilos’

Poderíamos até simplificar a leitura e dizer que Iris Dupin (Emmanuelle Béart) possuía um transtorno de personalidade que poderia ser medido e explicado pelo fato de mentir compulsivamente. Encontrar uma inscrição de patologia para as ações humanas tem sido, ao … Continuar lendo A mentira e a sociedade do espetáculo no longa ‘Os olhos amarelos dos crocodilos’

Desejo e religião no filme ‘Chocolate’ de Lasse Hallström

“Come chocolates, pequena; Come chocolates! Olha que não há mais metafísica no mundo senão chocolates. Olha que as religiões todas não ensinam mais que a confeitaria. Come, pequena suja, come! Pudesse eu comer chocolates com a mesma verdade com que … Continuar lendo Desejo e religião no filme ‘Chocolate’ de Lasse Hallström

Um assassino que rouba o cheiro de suas vítimas em ‘O Perfume: A História de um Assassino’

“O Perfume – A História de um Assassino”. Filme de Tom Tykwer. Narrativa da saga do humano. Narrativa que sempre pode ser sob diversos sentidos. O filme realmente seria uma maneira de evidenciar um dos sentidos humanos, o olfato. A … Continuar lendo Um assassino que rouba o cheiro de suas vítimas em ‘O Perfume: A História de um Assassino’

O racional e o passional no longa ‘Rush: no limite da emoção’ de Ron Howard

Não sei bem qual será a medida das palavras aqui nesta prosa. Escrevo ao mesmo tempo em que assisto o filme Rush: no limite da emoção de Ron Howard. A narrativa em alta velocidade conta fragmentos da vida de Niki … Continuar lendo O racional e o passional no longa ‘Rush: no limite da emoção’ de Ron Howard